Carleton’s – van Gieson

Autor: Ruben Gouveia. Ver página autores.
Última edição: Pathologika, 28 de Janeiro de 2018
Citar esta página: Gouveia, R., Histoquímica. Van Gieson – Pathologika. Available at: https://pathologika.com/histoquimica/van-gieson/carletons/ [Acedido: data].

Van Gieson de acordo com Carleton’s Histological Technique


Reagentes e soluções

Nota: existem no mercado empresas que comercializam estas soluções já prontas a serem utilizadas, assim como kits de coloração completos.

Solução 1 – Solução de van Gieson 

Solução saturada de ácido pícrico ………………………..…. 100 mL

Solução de fucsina ácida em água destilada a 1% ………. 5-10 mL

A proporção certa de fucsina ácida vai depender, em grande parte, da qualidade do corante.

OU

Solução 1 – Solução Unna’s (variante da solução de van Gieson)

Fucsina ácida ………… 0.25 g

Ácido nitrico ………….. 0.5 mL

Glicerina ………………. 10 mL

Água destilada ………. 90 mL

Ácido pícrico ………….. até ficar saturado

Esta solução proporciona um tom vermelho profundo ao colagénio e amarelo brilhante ao músculo.

 

Solução 2 – Hematoxilina férrica de Weigert’s

Solução A

Hematoxilina ………………. 1 g

Álcool absoluto ……………. 100 mL

A solução pode ser utilizada logo após ser efetuada.

Solução B

Solução de cloreto férrico aquoso a 30% …………..….. 4 mL

Ácido hidroclorídrico ………………………………………….. 1 mL

Água destilada ……………………………………………………. 95 mL

 

Para preparar a solução de trabalho de hematoxilina férrica de Weigert’s, adicionar partes iguais de solução e solução B.

Solução 3 – Celestine blue – haemalum

Celestine blue B ………………………… 0.5 g

Sulfato de amónio férrico …………… 5 g

Glicerina ………………………….………. 14 mL

Água destilada ………………………….. 100 mL

Dissolver o sulfato de amónio na água, sem calor. Adicionar o celestine blue e ferver durante 3 minutos. Filtrar depois de arrefecer e adicionar a glicerina. A solução deve manter-se estável durante pelo menos 6 meses.

 

Procedimento técnico

1 Desparafinar e hidratar as lâminas até à água
2 Corar com hematoxilina férrica de Weigert ou celestine blue-haemalum
3 Lavar bem em água corrente e depois em água destilada
4 Corar com a solução de van Gieson 2-5 min
5 Lavar em água destilada ou passar diretamente para o passo seguinte*
6 Desidratar e clarificar
7 Montagem com meio de montagem sintético

* Não lavar em água corrente alcalina, porque vai remover a coloração vermelha.

Resultados

Ver página inicial de Van Gieson


Referências bibliográficas
  1. Carleton, H.M., Drury, R.A.B. & Wallington, E.. A., 1976. Carleton’s Histological Technique. 4a., Oxford University Press.